Cidade Viva abre ‘Natal de Todos os Povos’ com decoração de 100 mil micro leds Postando e atualizado: 02-12-17 às 09:03Hs
FONTE DA NOTÍCIA: Click PB
------------------------------------
Redação

A decoração contará com mais de 100 mil lâmpadas micro leds – escolhidas por serem ecologicamente corretas e econômicas –, vai ornamentar a Capela da Cidade Viva (Foto: Reprodução)

 

 

As luzes de Natal vão brilhar a partir das 20h deste sábado (2), no Campus Metropolitano Cidade Viva (BR 101 – Sul). O horário marca o acendimento das luzes natalinas, primeiro evento da programação do “Natal de Todos os Povos”, da igreja Cidade Viva, que vai acontecer neste mês de dezembro.

A decoração que contará com mais de 100 mil lâmpadas micro leds  – escolhidas por serem ecologicamente corretas e econômicas  –, vai ornamentar a Capela da Cidade Viva e o seu entorno como praças, o coreto, o Bosque de Oração, além da entrada e os pontos altos do Campus como a torre da Capela de 22 metros de altura, a caixa d’água e os postes de iluminação.

As árvores do Bosque de Oração, por exemplo, terão uma iluminação com lâmpadas snoocke, em forma de lágrimas, simbolizando uma vida de oração, mas a decoração terá espaço também para muita alegria como as fontes de luz, em forma de cascata, as árvores iluminadas de quatro e de dez metros de altura, os laços, as guirlandas, as inúmeras estrelas, o boneco de adoração, símbolo da Cidade Viva, ganhará iluminação especial, além de bichinhos e até renas reluzentes com movimento.  

O Campus Metropolitano Cidade Viva, localizado no quilômetro 95,1 da BR 101, sentido Sul, ficará aberto para visitação pública nos finais de semana (sábados e domingos de dezembro) das 18h30 às 21h30.

Para o presidente do Sistema Cidade Viva, Sérgio Queiroz, “a ideia do Natal de Todos os Povos é trazer a lembrança a todo o público que o Natal não é apenas uma festa ou um evento que marca o ocidente, tampouco é algo que tem a ver apenas com um povo.

O Natal é o acontecimento, fora de comparação, o mais lindo da humanidade, pois é a encarnação do Deus vivo para salvação de todos os povos, de todas as línguas, de todas as etnias e de todas as nações. É uma festa para lembrar que não há diferenças étnicas, culturais e econômicas que possam ser deixadas de fora do escopo redentor de Deus. O espetáculo do ”Natal de Todos os Povos” será também para lembrar mais uma vez a humanidade que Ele veio para todos, para todo aquele que n’Ele crer não pereça, mas tenha a vida eterna”, comentou.     

Programação de dezembro – Além de luzes natalinas, o “Natal de Todos os Povos” terá ainda uma programação especial de eventos nos dias 2, 16 e 23 e 25 de dezembro.

A abertura no dia 2 de dezembro, além do “Acendimento de luzes de Natal”, será acompanhada de pequenas apresentações do coral e de duetos do ministério de músicas da Cidade Viva; enquanto no dia 16 de dezembro, será a vez do ‘Natal Clássico’ com as apresentações, a partir das 19h, da orquestra sinfônica jovem do Prima (Programa de Inclusão através da Música e das Artes), além do Cordel e Cordelzinha da Cidade Viva. Todas essas programações até o dia 16 serão gratuitas (veja o quadro abaixo mais detalhado).

Espetáculo de Natal – Nos dias 23 e 25 de dezembro, acontecem as apresentações do espetáculo do “Natal de Todos os Povos”, em um cenário que será projetado para os equipamentos da Vila da Paz, do Campus Metropolitano Cidade Viva. De toda a programação natalina da Cidade Viva, os espetáculos, que serão exibidos às 18h30 nesses dois dias, serão os únicos com cobrança de ingressos.

Eles servirão para custear parte da produção. O valor é de R$ 10,00 (adulto) e de R$ 5,00 (meia). Crianças até seis anos não pagam.

Luzes à vista na BR 101 – Todos os veículos que passarem à noite pela BR 101 (km 95 Sul) terá uma atração a mais no mês de dezembro, com o impacto da iluminação das 100 mil micro leds natalinas do Campus Metropolitano Cidade Viva, uma área de 150 hectares, que faz a preservação da Mata Atlântica, cortado pelo rio Gramame, que contém ainda trilhas ecológicas e abundante flora e fauna.